segunda-feira, dezembro 26, 2011

ESTADO ANÍMICO

Estou em meu estado anímico. Preciso ter pressa em escrever para que não retorne ao estado puramente animal perdendo assim o ímpeto narrativo. Quero falar de um amigo. E é preciso estar em estado anímico para falar desta alma iluminada. Ele foi, sem a menor dúvida, um dos pacientes mais interessantes que tive até aqui em minha carreira como fisioterapeuta.

Era artista plástico e, segundo o próprio, de reconhecimento nacional e, ocasionalmente, internacional. Sua matéria prima era composta por retalhos, madeira e sucatas das mais diversas origens. Debruçava-se por horas sobre aquelas formas sólidas e ali lutava até conseguir dar nova versão ao emaranhado disforme. Costumava dizer que não fazia nada demais e que qualquer esfomeado ou famigerado seria capaz de travar a mesma luta com êxito equivalente, caso fosse o caminho apontado rumo ao que lhe saciaria o apetite. E concluía dizendo que era ele próprio um esfomeado famigerado pela vida.

Seus amigos eram todos desajustados perante a sociedade, contudo perfeitamente ajustados perante seu olhar. Não gostava de se relacionar com pessoas socialmente ajustadas. Não mais que o necessário. Costumava dizer que os certinhos só serviam para tarefas burocráticas e compor a biomassa. Um bando de acomodados, ele dizia.

“Cale a boca. Ouça a buzininha! Ouviu? Me leve à sacada, vamos! Vê aquele catador de lixo? Sim, aquele mesmo. Este é um verdadeiro artista! Passa todos os dias aqui, exceto aos sábados e domingos, sempre sob o sol do meio dia. Ele sabe exatamente qual roupa lhe torna mais absurdo aos olhos da sociedade. Possui um senso estético invejável. É meu colaborador. Traz a matéria prima para meus trabalhos. Traz e não diz nada. Negocio o preço ouvindo-o dizer se é pouco ou se está bom, e isso é tudo. Nem bom dia!, nem boa tarde!. Pega o dinheiro e segue com sua buzininha de Chacrinha. Vê a jaqueta preta de couro que ele está usando? Pois é, faz mais de uma semana que ele a adquiriu das mãos de alguém que quis se sentir generoso e por isso lhe deu a velha jaqueta encostada no fundo do maleiro. Essas calças jeans largas e rasgadas, essa corda que lhe serve de cinto, esses chinelos ao invés de tênis ou sapatos, tudo isso é de propósito. Ele faz questão de ser absurdo. Essa foi a maneira que encontrou de atrair os olhares e assim poder desprezá-los. Essa é sua respostas à sociedade que o trás à margem. É um cínico. Conhece a história de Diógenes, o cínico? Não? Ora, mas você não sabe nada?!”


69 Comentários:

Blogger JAN disse...

JEFH... DEPOIS DE PERGUNTAR PRO GOOGLE O QUE É "ANÍMICO", CHEGUEI À CONCLUSÃO DE QUE "DE MÉDICO, ARTISTA E LOUCO, TODOS TEMOS UM POUCO"... INCLUSIVE LIXEIROS, FISIOTERAPEUTAS E PACIENTES DE FISIOTERAPIA.:-))))))))))))
FELIZ ANO NOVO!
JAN

26 de dezembro de 2011 10:52  
Blogger ♥ Evelin Pinheiro ♥ disse...

Gostei muitíssimo dest texto, da sua sensibilidade nas palavras!!
Comentei na postagem anterior, mas gostaria de sugerir uma postagem minha q vou deixar o link abaixo. Se puder ler a recente e esta q tb é recente, ficarei feliz...hehehe
BeijO
http://evesimplesassim.blogspot.com/2011/12/chegou-de-novo.html

26 de dezembro de 2011 13:54  
Blogger Penélope Pelegrini disse...

Oi Jefh! Que alegria ter sua visita no meu blog e poder retribuir descobrindo um lugar tão especial! Nossa... você escreve muito bem, fiquei até envergonhada pelas simples palavras que escrevo lá no meu Espacinho, por vezes mal acentuadas, mal combinadas nas postagens, enfim... Obrigada pela visita e já virei sua fã :-D
Presente de 2011 conhecer seu Blog!
Obrigada por me proporcionar isso.
Feliz Ano Novo!!!

26 de dezembro de 2011 14:07  
Blogger Messias Daniel disse...

olá nossa vida é mesmo um contraste
+ quem pode dizer o que é justo em um pais de desigualdade? hj podemos dizer que grande parte da população sofre de anemia na cultura...
+ de quem é a culpa?
mt bom seu texto
abçs

26 de dezembro de 2011 14:47  
Blogger Daniel disse...

Realmente um texto iluminado, que revela a alma de um artista! Parabéns pela escrita! e pela sensibilidade em captar cada momento, principalmente de um dos seus pacientes. Isso lhe faz um grande médico.

Abraços, cuide-se
Feliz ano novo

Dan

26 de dezembro de 2011 16:26  
Blogger Fernanda disse...

Eu tb não seide nada!!!
Belo texto. Voltarei...Of course que sim!
Beijos
Fer

26 de dezembro de 2011 18:55  
Blogger Pink Princess disse...

Olá! Lindo blog, já estou seguindo! \0/

Dá uma passadinha no meu e me segue também:

http://totalpinkprincess.blogspot.com/

Kisses!

26 de dezembro de 2011 20:34  
Blogger Fabibarbi disse...

Obrigada pela visita, alguns videos não fazem o menor sentido de tanto acesso, vai entender a cabeça do ser humano.
Gostei do seus textos, posso roubar alguns pra postar no meu blog? Ponho seu crédito, juro =)
Feliz 2012, paz, saúde, flores, estrelas e tudo de melhor que a vida possa te oferecer!
Um abraço

27 de dezembro de 2011 03:20  
Blogger Memórias de Sampa disse...

Olá, Jeferson!

Bacana quando lembramos com carinho daqueles que fazem toda a diferente em nossa sociedade.
Bom demais também quando podemos exercer nossa profissão encontrando pelo caminho as pessoas que ficarão em nossa lembrança pelas boas realizações de que são capazes.
Valeu!
Feliz Ano Novo!
Muita paz! Beijosssssssss

27 de dezembro de 2011 03:59  
Blogger Carlos Lopes disse...

Boas festas

27 de dezembro de 2011 04:48  
Blogger Larissinháa. disse...

Olá Passando pra desejar um Feliz Natal e o melhor ano.. Bejinhos Jesus te abençõe.

27 de dezembro de 2011 05:19  
Blogger Favo de Mel disse...

Oi Srº Jefh é com muito prazer que passo por aqui para te desejar um ano novo repleto de felicidades, prosperidades e uma chuva de inspirações para continuar escrevendo textos maravilhosos que nos causa grande curiosidade e mexem com nossa imaginação. Um grande abraço da amiga virtual que muito admira sua forma de escrever. Favo de Mel.

27 de dezembro de 2011 06:08  
Blogger Solange disse...

nossa Jefh..
tão lindo o que vc imortaliza aqui hoje..
agora,meu lado anímico falando:
tranquilize-se..
jamais vc deixará seu ímpeto narrativo,
assim como eu jamais deixarei de entrar aqui..

bjs.Sol

27 de dezembro de 2011 06:15  
Blogger Rosi Alves... disse...

LINDO TEXTO!BEIJOS

27 de dezembro de 2011 08:25  
Blogger Jucimara Fortunato disse...

Adorei o texto Jefh...
Já me instalei por aqui. =)
Feliz 2012 para você e toda sua família..
Saúde, Paz e Felicidades \o/
Abrçss Jucimara Fortunato

27 de dezembro de 2011 08:45  
Blogger Ceiça disse...

Oi Jefh, boa tarde! Passei para não perder o hábito e encontrei mais um texto. Achei formidável! Parabéns por utilizar seu estado anímico para escrever algo tão lindo! Você sabe realmente fazer uso adequado das palavras e transformar em um texto tão prazeroso de se ler. Um grande abraço e que Deus continue te dando inspiração para produzir textos tão reais.Sua admiradora fiel do caminhar na missão. Paz e Bem!

27 de dezembro de 2011 08:57  
Blogger Adriana Cava disse...

Gostei da sua visita em meu blog, obrigada pelo comentário. Adorei conhecer o seu blog!
FELIZ ANO 2012.

27 de dezembro de 2011 09:27  
Blogger Patrícia disse...

Muito interessante seu blog!!! Gostei, irei voltar e comentar mais. Seguindo!
Obrigada pelas visitas... :)
E vc tem razão... o Daryl tb é forte! hehehe

Feliz 2012!

27 de dezembro de 2011 09:57  
Blogger Nilsa Almeida disse...

Obrigada por passar no meu blog!
Estou seguindo o seu!
Beijos

27 de dezembro de 2011 10:10  
Blogger Rosa Carioca disse...

Mais um bonito texto.

27 de dezembro de 2011 13:52  
Blogger Analu disse...

Meus queridos amigos,

Meus companheiros bloqueiros, que nos trazem tantas coisas
lindas, importantes, cada um tendo a finalidade de dividir o seu
conhecimento com todos os amigos, que estão presentes e
aqueles que nos visitam.
Desejo que o ano de 2012, venha repleto de Paz, Saúde e
Amor, e tb que tenham mais prosperidade e reconhecimento,
os quais são merecedores.
Obrigada por compartilharem comigo, coisas belíssimas.
E que Deus os abençõe hoje e sempre

FELIZ 2012

Meu afeto

Analu

27 de dezembro de 2011 15:06  
Blogger Lili disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

27 de dezembro de 2011 17:37  
Blogger Bruna Barbosa disse...

Jeferson, adorei esse seu canto. Escrever, gostar disso... e fazer porque agrada a alma é magnífico, por isso sigo seu cantinho. Parabéns

27 de dezembro de 2011 17:39  
Anonymous Anônimo disse...

Boa Noite!
Uma vez você comentou em uma foto minha no meu blor, e então postou uma frase sua, quando vi não liguei muito, mais agora eu pude perceber a grandeza dessa frase e o qual bonita ela é. Ai ontem postei ela em meu fecebook (mais com todos os seus direito, postei com seu nome) e algumas pessoas curtiram e uma pessoa comentou que era uma frase muito linda.
Pois bem gostaria de saber se posso continuar postando as suas frases, pois não sei se você permite isso.
Parabéns são lindo os seus textos, e você tem lindaaas frases!

27 de dezembro de 2011 18:50  
Blogger Beatriz! disse...

Boa tarde Jefh!
Gostei muito de seu amigo, cliente.
Quem me dera um dia poder conhecê-lo pessoalmente.
Com certeza é uma jóia rara.
Abraços e dê um a ele por mim.
:)

28 de dezembro de 2011 09:23  
Blogger Beatriz! disse...

Voltei querido Jefh!
Para deixar a mensagem de fim de ano:
Quatro velas estavam queimando ruidosamente,
calmamente.
O ambiente estava tão silencioso que podia-se ouvir o diálogo que travavam.
A primeira vela disse:

- Eu sou a Paz ! Apesar de minha luz as pessoas não conseguem manter-me, acho que vou apagar. E diminuindo devagarzinho, apagou totalmente.

A segunda vela disse:

- Eu me chamo Fé! Infelizmente sou muito supérflua. As pessoas não querem saber de mim. Não faz sentido continuar queimando. Ao terminar sua fala, um vento levemente bateu sobre ela, e esta se apagou.

Baixinho e triste a terceira vela se manifestou:

- Eu sou o Amor! Não tenho mais forças para queimar. As pessoas me deixam de lado, só conseguem se enxergar esquecem-se até daqueles à sua volta que lhes amam. E sem esperar apagou-se.

De repente... Entrou uma criança e viu as três velas apagadas.

- Que é isto? Vocês deviam queimar e ficar acesas até o fim.

Dizendo isso começou a chorar.

Então a quarta vela falou:

- Não tenha medo criança. Enquanto eu queimar, podemos acender as outras velas. Eu sou a Esperança.

A criança com os olhos brilhantes, pegou a vela que restava e acendeu todas as outras...

ESPERO QUE A VELA DA ESPERANÇA NUNCA SE APAGUE DENTRO DE VOCÊ.

Tenha um Maravilhoso Ano Novo.
Muitas bençãos e tudo de bom sempre!!!
Bjokas...da Bia!

28 de dezembro de 2011 09:24  
Blogger Lady Karoline disse...

Olá Jeferson, obrigado pelo comentário no meu blog. ^-^
Feliz 2012! Abraços!

http://nossofonedeouvido.blogspot.com

28 de dezembro de 2011 09:40  
Blogger Ingrid disse...

Obrigada pelo comentário no meu fc. Gostei muito.
Parabéns pelo blog :)

http://roqueiraemcrise.blogspot.com/

28 de dezembro de 2011 11:18  
Blogger SoArt's disse...

Oiiii, há muito tempo não passo por aqui, né??Desculpa, não foi por mal, o tempo que me roubou o prazer de vim e ler texto tão bem escrito como este acima.Parabéns e um 2012 cheio de grandes realizações para vc.Abraços fraterno.

28 de dezembro de 2011 13:55  
Blogger Taamy Alves' disse...

muito legal essa postagem...
ela nos mostra o que a muitos de nós passa despercebido...
mostra que se olharmos de outra maneira para a vida em seu conjunto, tudo seria diferente!
obrigada por dividir com nós essa história!
parabéns!
@taamy_alvesx3

28 de dezembro de 2011 14:56  
Blogger Suelen Caldas disse...

Obrigada pela visita e pelo comentário...
:)
tem mais coisa por aqui http://numafolhaqualquereudesenho.blogspot.com/ depois dá uma olhada, e eu vou dando uma olhada por aqui.(riso)

Abraços e Feliz 2012!

28 de dezembro de 2011 15:23  
Blogger De repente quinze disse...

Seguindo você, adorei seu blog viu.
E Feliz 2012 pra você!

28 de dezembro de 2011 15:27  
Blogger Dentro da Republica disse...

Parabéns pelo Blog querido!
Deus abençõe!

@ANAPAULAFREISSI
www.dentrodarepublica.blogspot.com

28 de dezembro de 2011 15:31  
Blogger Leticia Nassinger disse...

Oi obrigada por ir ao meu cantinho Rascunhos de sentimentos... Vim retribuir a visita... Adorando o seu, vou ler com calma e comentar verdadeiramente,,,, bjs

28 de dezembro de 2011 15:53  
Blogger Jéssica Suellen disse...

Olá, acabei de ler seu comentário no meu blog, obrigada pelas palavras, hahaha ;D atualmente está difícil fazer humor! seu blog é muito bom, parabéns! e mais uma vez obrigada!

beijo no toba!

@JessicaSuellen_

28 de dezembro de 2011 17:06  
Blogger Mayara Gabrielle disse...

Ei, tô passando pra agradecer a visita ao meu Blog ;)
E dizer que gostei muito do (ainda) pouco que li por aqui... voltarei mais vezes e vou seguir pelo twitter tb. Muito simpáticas as suas frases (:

Um ótimo 2012!

28 de dezembro de 2011 17:24  
Blogger Luciana Silva disse...

Oiee bom dia! obrigada pela visita...Passei por aqui rapidinho, mas vou voltar com mais calma para ler seus textos...é que agora to no trabalho rsrsrsr...

Te desejo uma otima quinta feira e que 2012 venha recheado de coisas boas em sua vida!

Bjinhosss

29 de dezembro de 2011 01:40  
Blogger urbanascidades disse...

2012 oportunidades de teres o que precisas e seres o que mereces,
dentro e fora da blogosfera
para ti e quem conheces.
É o que deseja, Barbaridades,
torcendo por ti nesta nova era
De uma forma amiga e sincera
o teu colega do Urbanascidades.

29 de dezembro de 2011 02:19  
Blogger Amanda. disse...

Olá Jeferson!
Muito obrigada pela visita ao meu blog!
Realmente, o que é muito normal nunca me chamou atenção. rs
Mas acho que, como a personagem da sua história diz, "os certinhos só serviam para tarefas burocráticas".. pra mim não!. rs
Abraços e um ótimoo ano novo!

29 de dezembro de 2011 07:49  
Blogger Chris disse...

Gostei muito da frase aqui nos comentários. Me moverei *-* Obrigada pela visita. Gostei do blog. Show de bola Abraços

http://chrisbrandgouv.blogspot.com/

29 de dezembro de 2011 07:52  
Blogger Vivian Nery disse...

Eii, passando pra agradecer a visitinha e o comentário =]
Gostei dos textos....particularmente deste . A visão que o seu paciente tem do catador me chamou muito a atenção. É engraçado como a sociedade gosta de julgar, baseando na aparência principalmente. E o senso crítico do artista em questão me deixou boquiaberta.
Está de parabéns!!

29 de dezembro de 2011 11:10  
Blogger Ray* disse...

linda homenagem que vc fez ao seu amigo artista.
tenho a impressão que os artista, tem uma alma diferente da nossa.

http://www.citacoesecia.blogspot.com/

29 de dezembro de 2011 12:37  
Blogger Alba M. disse...

Caraaaaaa, escreve bem pra caramba o.O
Obrigada pela visita lá no meu blog :>
Beijoos.
Alba M.
Only4Teens-s2.blogspot.com

29 de dezembro de 2011 13:07  
Blogger Drika disse...

é como diria Raul :"Controlando minha maluquez misturada com minha lucidez ...vou ficar ficar com certeza maluco beleza"..Adoro gente assim que foge dos padrões !!!Otimo texto ,parabens !!!

29 de dezembro de 2011 14:39  
Blogger Daysiane disse...

Ei Jeferson
Primeiro agradeço por ler os meus humildes pensamentos.
Sim quando eu escrevi "ir" eu conserteza representei o ir.
Mais é um pensamento atual =D
No caso. querer ir, ter a certeza que da para ir, mais para ir tem que parar de pensar e ir =D
ja sou seguidora!
fica com Deus!
De um eterna curiosa *-*

29 de dezembro de 2011 15:25  
Blogger Rachel Gama disse...

“Mesmo que a felicidade lhe caia do céu é preciso estar na hora e no lugar certo. Mova-se!” (Jefhcardoso)

Adorei! Vou compartilhar no meu Facebook ;)

29 de dezembro de 2011 15:30  
Blogger Nyce Pinto. disse...

Continue anímico...deixe que sua alma diga o deseja...entoe o cantigo dos anjos! Se depender desses exemplos, que nossos amigos nos oferecem, vamos continuar aprendendo com todos e com tudo...porque em determinados momentos todos nós somos "uns esfomeados famigerados pela vida..." como diz teu amigo/paciente. Temos fome de vida, de justiça, de amor, de esperança, de fé, de alegria... Assim nosso caminho vai se formando, tesouros chamados "amigos" vamos conquistando...muito obrigada pela tua amizade "AMIGO BLOGUEIRO".
FELIZ ANO NOVO, COM TUA FAMÍLIA LINDA!

29 de dezembro de 2011 17:31  
Blogger Julia Sá disse...

Eu que agradeço por sua visita. Você é sempre bem vindo em meu blog! Um feliz 2012, que ele lhe traga muita paz, amor, sucesso, carinho e sabedoria! Beijos.

29 de dezembro de 2011 18:00  
Blogger Li Gobara disse...

Nossa!
Adorei suas palavras, vou passar por aqui sempre!

Agradeço também pela visita no meu Blog =D

Um beijo

Li Gobara
www.blogdaligobara.com.br

30 de dezembro de 2011 02:46  
Blogger Júlia disse...

passo para agradecer a visita do blog, e para dizer que adorei o texto! Beijos, Julia - jubalubacity

30 de dezembro de 2011 04:20  
Blogger Lia Bahia disse...

Muito bom seus textos, gostei! Obg pelo comentário no meu blog! (:

30 de dezembro de 2011 06:36  
Blogger Marcela Brito disse...

hey! Parabens pelos textos hein! Tem que ter muito talento e criatividade para escrever sobre assuntos tão diversos abordando-os de uma excelente maneira como você faz! Um feliz 2012!

até mais, mah :*
http://simples-fato.blogspot.com

30 de dezembro de 2011 08:55  
Blogger Bia Barbano disse...

Adorei a sua passagem pelo meu blog....e principalmente adorei o que escreveu. São pessoas como você, que fazem toda a diferença na vida das pessoas. Espero que nos encontremos mais vezes rsrsrs...E tenha certeza,lhe desejo um Ano Novo simplesmente sensacional....maravilhoso....cor de ouro....mágico.....vitorioso em todos os sentidos!!!! Você sabe...podemos tudo,com a força do nosso coração,que quando tem vontade e quer, bate loucamente nos deixando abraçar e realizar todos os nossos desejos. Tudo de melhor pra você...Beijos...Bia

30 de dezembro de 2011 11:33  
Blogger Júlia Ribeiro disse...

olá.
Vc visitou meu blog a alguns dias atraz e quero agradecer por isso,andei vendo as suas postagem e amei,tudo,serio.
Beijos e espero que vc continue vendo meu blog.
:)

30 de dezembro de 2011 11:54  
Blogger Micheline disse...

Jefh, adorei seus textos e já faz parte de passeio diário.

Aproveito para desejar um 2012 de realizações e coisas interessantes.

Micheline
http://micheline-line.blogspot.com/

30 de dezembro de 2011 12:06  
Blogger Bruna Rafaella disse...

Adorei o texto querido Jef!
ás vezes me surpreendo com suas histórias hilárias, é tão diferente, tão simples
e humilde, a riqueza é enorme e bela,
parábens como sempre!

Feliz ano-novo!

Beijos.

30 de dezembro de 2011 12:31  
Blogger Vanessa Martins disse...

Olá Jeferson, tudo bem?
Pois é, já é sexta. Na verdade quase sábado! :x
Tá preparado pra curtir o último dia do ano de 2011? E começar curtindo o anod de 2012? ;D
Tem que, né!

Curti seu blog! Tenha um ótimo fim e começo de ano! Beijos.

30 de dezembro de 2011 14:25  
Anonymous Mariana M. disse...

Olá,
Agradecendo a visita e conhecendo você e seus textos...
Lindo espaço!

Cuide-se.

30 de dezembro de 2011 14:54  
Anonymous Luzinete disse...

Lindo texto amigo,Feliz Ano Novo ,paz saúde, amor para vc continuar com seu Blog e seus texto maravilhosos que você escreve com humor e dedicação, felicidades abraços de sua amiga ***

30 de dezembro de 2011 15:37  
Blogger LAURA SVORAZAROVSKI disse...

sobre esse post
primeiro que
ja no segundo paragrafo tive
a impressão de um texto que doravante
prosegue num ritmo devorante
sensacional
mas foi no final
que percebi que essa sede quasi-vampirica escrevente
se sacia em si mesma e ouroboricamente se devora e se alimenta e se expande
sem aniquilar-se ou ao meu apetite de leitora
instigante!


*ps.: retribuindo a visita.

30 de dezembro de 2011 16:14  
Blogger LAURA SVORAZAROVSKI disse...

ps2.: sem esquecer da propria tematica vampirica e narcisistica da rica personagem disfarçada de pobre.

30 de dezembro de 2011 16:16  
Blogger Regiane Farias disse...

Ta ai alguém que sabe enxergar além do que os olhos vêem...ele consegue ter uma visão extraordinária das coisas parabéns...

30 de dezembro de 2011 16:21  
Blogger Giovanna Laura disse...

Olá!! Agradeço a visita e retribuo com o maior prazer. Adorei o comentário que fez, e tens razão.
"Um algo de passado ruim pode até retornar, mas cada vez mais fraco diante um presente de superação."
Peço permissão para postar alguns trechos de seus posts quando gostar. Adorei mesmo, minha mãe também é fisioterapeuta.
Se puder passar lá no blog mais vezes e comentar, adorarei!
http://betweenusg.blogspot.com/
Um forte abraço, e feliz 2012 repleto de muito sucesso, paz, amor e alegria.

30 de dezembro de 2011 18:11  
Blogger Marina disse...

Obrigado pela visita em meu blog. Esperamos que tenha gostado. :)
Seus textos são mutio bons, voltarei mais vezes.
Um feliz 2012 para você e muito sucesso!

http://bitchplz.blogspot.com

30 de dezembro de 2011 19:43  
Blogger Nathi disse...

Ah, olha o anúncio do Cínico aí...interessante, devia ter lido esta antes. Gostei da maneira como o seu amigo artista pensa, eu fico triste todos os dias e pego o metrô e tenho conhecimento de que sou uma molécula da biomassa entediada. É péssimo isto, vejo muita gente que não parece se importar com isto, eu, ao contrário...

3 de janeiro de 2012 16:31  
Blogger Garota Insana disse...

Seu amigo nunca será apenas mais um na multidão enquanto enxergar o brilho de um mero catador de lixo...

Gostei muito. Mesmo. Seus textos te revelam.
Adoro isso.

Bjsssssssssss!

4 de janeiro de 2012 02:41  
Blogger Cassia Matos. disse...

Olhe adoraria ter um amigo como o seu,e deu para perceber em mais um texto seu que leio ,que esse amigo não só tem amigos desajustados perante a sociedade,mas um amigo escritor,bom escritor.
abraços.

4 de janeiro de 2012 13:27  
Blogger Nathi disse...

Acrescentar, achei até engraçado e humilde de sua parte...Não me leve a mal, mas não acho que tenha muito o que acrescentar, entende?

Não tenho muito que dizer, não vivi pelo mundo aventuras inesquecíveis, eu só sei o que vi, não é muito, não é interessante.
Vi a vida de quem não tem muito e perde um pouco todos os dias para aumentar o que já pertence aos que têm "tudo".

Um dia eu parei pra pensar, "Nossa, se todo o dinheiro que circula num país [teoricamente] tem que haver o equivalente em ouro, e não se vê muito ouro novo por aí, devido a grande exploração do passado. Então, pense comigo, se já não há o que retirar de um garimpo o único dinheiro que se consegue é tirando de alguém. Há muito tempo foi e é assim, me entristece pensar que a maioria das boas coisas...principalmente oportunidades, dependem do dinheiro.

É uma limitação de vidas para levar conforto, nada além disso, a outras vidas. E todas vão ao mesmo lugar no final.

Um buraco sem fundo e sem início.

Triste!

4 de janeiro de 2012 16:48  
Blogger espelho meu.. disse...

faz um tempão que deixasse um comentario em blog..meu nome éh pamella em relação a uma postagem minha, tenho certeza que não lembras mais achei teu blog no recado i vim vê como era..amei seu blog e seus textos...obrigada pelo conselho no comentario!! estarei sempre por aqui http://espelhomeupamella.blogspot.com/ fica com Deus

6 de janeiro de 2012 12:32  

Postar um comentário

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial